Cumprir uma rotina de estudante nem sempre é fácil. Exige disciplina e dedicação, tanto para o vestibulando quanto para o aluno universitário. Mesmo pertencendo a diferentes níveis de ensino, regularmente, ambos têm diante de si uma série de novos conteúdos, exercícios, provas e outras atividades pedagógicas, nem sempre empolgantes. Para facilitar essa rotina, por vezes desgastante, duas plataformas nacionais resolveram criar soluções que auxiliam diretamente o estudante de nível médio e o de nível superior a facilitar suas rotinas de estudo. Com o Meu Tutor, os alunos de educação básica têm acesso a um jogo interativo e colaborativo baseado em questões do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio)...

Ensino médio

Enquanto os idealizadores cariocas do Passei Direto se preparavam para abrir o portal para estudantes de todo o Brasil, pesquisadores de Maceió lançavam outra plataforma de auxílio aos estudos voltada, especificamente, a alunos do ensino médio. Criada em dentro da UFAL (Universidade Federal de Alagoas) em parceria com a USP São Carlos, o Meu Tutor tem como foco a preparação do vestibulando para as provas do Enem.

Contado com mais de 1,2 mil usuários, a plataforma funciona como uma espécie de jogo interativo onde os usuários, conjuntamente, podem resolver questões do ensino médio. Utilizando a lógica de desafios e conquistas, no site, o estudante aprende de forma lúdica. “A nossa grande missão é trabalhar as dificuldades de aprendizagem que os alunos da educação básica têm atualmente. Queremos melhorar a qualidade da educação brasileira”, fala um dos idealizadores, Ig Ibert Bittencourt, professor do programa de pós-graduação em informática da Ufal.

Depois de um cadastro que dura menos de 1 minuto, o usuário tem acesso a uma espécie de roteiro de estudos. A partir de missões sugeridas no painel de controle, o estudante vai acessando os assuntos das respectivas matérias. Para cada missão cumprida – geralmente são perguntas sobre os assuntos da respectiva disciplina – , o usuário vai acumulando pontos e troféus. Para auxiliar o estudante no trajeto, o Meu Tutor oferece videoaulas explicativas e dicas para resolução dos problemas. As questões foram formuladas por uma equipe pedagógica, sempre levando em conta as competências pedagógicas do exame.

O candidato pode optar por “aceitar a missão” que mais lhe interessa. Cada uma delas apresenta um desafio diferente: desde de indicação de vídeos a serem assistidos à acompanhar o trajeto de amigos que também estão cadastrados na plataforma. Assim, é possível equiparar o seu desempenho com outro colega. “O ranking é na rede de amigos, selecionados pelo próprio usuário. Além disso, com esse experiência de compartilhamento social, alunos de um mesmo grupo, por exemplo, podem resolver os desafios juntos, de forma on-line”, fala Bittencourt.

No entanto, a plataforma só libera gratuitamente os conteúdos de matemática. Os conteúdos de português e física estão fechados e para ter acesso é preciso fazer uma assinatura de R$ 9,90 por mês. Os exercícios e conteúdos das demais matérias ainda estão sendo produzidos pela equipe. “Nos próximos dias, disponibilizaremos os conteúdos de química, biologia e literatura. Até o final do ano, todas as demais estarão no ar”, diz o professor da UFAL.

Porvir.org

Link da noticia: http://porvir.org/plataformas-facilitam-estudo-troca-de-conteudos/20130923/ 

No Comments Yet.

Deixe um comentário